Sobre o Curso

ÁREA
Eletricidade

CARGA HORÁRIA
120 horas

PERÍODO DE REALIZAÇÃO DO CURSO
21 dias a partir da data de inscrição

UNIDADE
Escola Senai "Duque de Caxias"
Rua Bartolomeu de Gusmão, 150 - Aviacao | Araçatuba CEP: 16055-550

TELEFONE
18 3519-3200

E-MAIL
secretaria901@sp.senai.br

TURMA(S)

VALOR
Gratuito

Resumo

O Curso de Aperfeiçoamento Profissional Acionamentos Elétricos tem por objetivo o desenvolvimento de competências relativas à montagem e manutenção de comandos elétricos de máquinas e equipamentos, montagem e parametrização de dispositivos eletrônicos de partida de motores (soft-starters e inversores de frequência) de acordo com normas técnicas, ambientais, de qualidade e de segurança e saúde no trabalho.

Requisito

O aluno deverá, no início do curso, ter no mínimo 18 anos de idade.
O aluno deverá ter concluído o Nível Fundamental.
TER CONCLUIDO O CURSO DE QUALIFICAÇÃO ELETRICISTA INSTALADOR;

turmas disponíveis

Programação do Curso


MOTORES DE INDUÇÃO: - 9h
Princípio de funcionamento, Motor trifásico assíncrono, Potência, Torque, Rendimento, Escorregamento, Corrente de linha e Corrente de fase; Motor monofásico de fase auxiliar; Motor universal.
Norma para instalação e regime de serviço de máquinas,
COMANDOS ELÉTRICOS: - 87h
Segurança e proteção para comandos elétricos (3 horas)
Segurança diazed e NH, Características das seguranças, Aplicação e componentes, Seletividade e proteção, Dimensionamento, Seccionadoras, Relés térmicos, Disjuntores industriais, Relê de sequência e falta de fase.
Elementos de comandos e controle e equipamentos auxiliares (15 horas)
Cabos: Flexíveis, Extra flexíveis; Conectores; Contatores: de potência, auxiliares, blocos aditivos, Dimensionamento de Contatores e características; Botoeiras: Normalização geral, Disposições de localização; Sinalizadores: Características, Norma de utilização; Sensores: Capacitivos, Indutivos, Ópticos; Relés temporizadores: Eletrônicos, Pneumáticos; Relés de sobrecarga; Relés de subtensão; Relés de sobretensão; Transformadores para comando: Isolação, TP e TC.
Simbologia e diagramas de comandos elétricos (9 horas)
Simbologias normalizadas; Tipos de diagramas: Unifilar, Multifilar, Funcional, Comando, Principal.
Quadros e condutores para comandos elétricos (3 horas)
Tipos de quadros; Características e aplicações; Normalização IP; Cabos: circuito de força, de comando, proteção de terra (PE), Interface de comunicação; Canaletas simples e múltiplas; Norma de cores; anilhas, etiquetas, cintas e placas de identificação; técnicas de identificação de circuitos industriais; procedimentos básicos de manutenção de quadros elétricos.
Sistemas de partidas e frenagem de motores de indução (15 horas)
Direta; estrela-triângulo; com autotransformador; Dahlander; rotor bobinado; frenagem por contracorrente; frenagem por aplicação de CC;
INVERSORES DE FREQUÊNCIA: - 15h
Tipos de acionamentos e suas evoluções; conceitos de controladores escalar e vetorial; vantagens econômicas na operação de inversores; tipos, construção e características técnicas: SCR, IGBT, GTO, inversores de 6 a 12 pulsos, PWM, parametrização do inversor via painel frontal;
SOFT-STARTER: - 9h
Definição; conexões dos dispositivos de entrada e saída; conexão de alimentação e carga; parametrização.
Ensaios (60 horas)
1. Verificar o funcionamento de sistema de partida direta, com motor trifásico
2. Verificar o funcionamento de sistemas de partida de motor trifásico com reversão (utilizando botoeiras e chaves fim de curso)
3. Verificar o funcionamento de sistema de partida estrela-triângulo, com motor trifásico
4. Verificar o funcionamento de sistema de partida compensadora, com motor trifásico
5. Verificar o funcionamento de sistema de partida de motor Dahlander com reversão
6. Testar o funcionamento de componentes usados em comandos elétricos
7. Implementar e testar comando elétrico para automação sequencial de 4 motores de indução
8. Verificar o funcionamento de inversor de frequência.
9. Realizar manutenção corretiva em circuitos de comandos elétricos
Situação problema simulando comando automático para máquina operatriz utilizando soft-start